quinta-feira, junho 29, 2006

TRISTÃO, PORÉM BONITO

Além de dar margem a trocadilhos infames, o filme é um espetáculo. Porradaria e romance da melhor qualidade!!!
Sophia Myles, a Isolda, é uma nova Michelle Pfiffer. Os figurinos dela, um sonho.
O Tristão James Franco é um fofo, mas quem bate um bolão mesmo é Rufus Sewell, no papel do magnânimo Marke, Rei da Cornualha - Um reino que, não à toa, tem esse nome. (OPS, fiz de novo!)

11 comentários:

Strix disse...

Vi esse filme, de madrugada.

gugala disse...

Antes Tristão que Rei da Cornualha

Fitzwilliam disse...

Hoje Charles, além de príncipe de Gales, é o duque da Cornuália. Camilla após o casamento ficou apenas com o título de duquesa da Cornuália, não de princesa. Go figure.

a. disse...

ouça a ópera, tá em cartaz há séculos e não sairá de circuito tão cedo.

CrissMyAss disse...

Fitz,
O importante é eles formarem um par na Cornualha.
Pra manter a trama viva.

JKishin disse...

Tristão? Ainda não vi mas vou colocar na lista. Tomara que não seja triste. ai ai que triste trocadilho.
Já li sobre esse Marcus, rei da Cornualha. Acho que foi em Brumas de Avalon.

Perozzi disse...

Charles, príncipe dos Galos, duque da Cornuália, e autor daquela imortal metáfora mênstruo-amorosa. Unforgetable!

CrissMyAss disse...

Putz, Perozzi...

eduardo lima disse...

Uma dica pra você que é minha amiga: os caras mais bacanas
que se pode encontrar nesse mundo
são aqueles que ostentam sorrisos
largos e olhos tristes. Pode reparar.

Perozzi disse...

Desculpe a grosseria... Menarco-amorosa fica mais suave, né? E com música de fundo: "Eu queria ser / O seu caderninho / Prá poder ficar / Juntinho de você."

CrissMyAss disse...

Perozzi, aqui vale tudo (menos você dançando com o Professor Sassaroli).
Falando em baixaria, veja o blogue do Nevão.
http://sonetospodres.blogspot.com/