sábado, agosto 12, 2006

LINKAÇÕES PERIGOSAS

Como vai sua relação com seus links? Você os visita mesmo?
Há blogues que você visita e que não constam da sua lista de links? Por que?
Fica chateado se o blogue que você frequenta não linka o seu? Você deixaria de frequentá-lo por isso?
Que critérios usa (se algum) para linkar um blogue? Você realmente recomenda os blogues da sua lista de links, ou ela já se tornou uma coisa tão comprida que lhe foge totalmente ao controle?
O que você pensa quando vê uma lista de links enorme no blogue de alguém? Qual a relação entre o tamanho da lista e o prazer que ela proporciona?
Já percebeu que há em sua lista muitos blogues que saíram do ar, ou onde o último post foi escrito poucos momentos antes do camarada partir pra Diamantina, no Carnaval de 2002?
Já lhe aconteceu de linkar o blogue de alguém só pela cortesia da reciprocidade, pra depois descobrir que lá só se fala bem do governo, ou mal do seu time?
Já lhe ocorreu deslinkar, ou ser deslinkado de algum blogue?
(Claro que não precisa responder a todas as perguntas. Se quiser, apenas cite exemplos ou conte um causo que ilustre sua opinião sobre os links)

26 comentários:

S0MBR4 disse...

Hmmm... links! Um bom tema!rs

Eu pessoalmente tenho hobby em fazer gifs para links! Se eu gosto muito do blog faço banner. Chegou num ponto que eu tive que limitar o numero de gifs e hj em dia rola um topten da vida!rs

Eu leio todos os blogs listados... gostando ou nao!rs Faz parte do reconhecimento de area.

Sobre retirar links...faço com frequencia! Tanto pela desatualização (os links no blog servem como o favoritos do IE pra mim!rs) como por conflitos e divergencias.

Reciprocidade só com comentaristas pertinentes ao que vc posta, até pq no final das contas acaba existindo alguma empatia no processo.

Acho que é isso... não vou contar casos pq daria pra escrever um blo só sobre isso!rsssss

Camarada Arcanjo disse...

Os links no meu blog estão lá porque gosto do que publicam, ou já gostei do que publicaram e aguardo que voltem a publicar.

Não tenho qualquer necessidade de audiência no meu blog. A minha necessidade no meu blog é a discussão política livre do cabresto partidário. Assim, eu aguardo quem gosta de discutir conteúdo não buscar visitas.

Portanto trocar link não me faz falta, por exemplo:
Linquei o seu blog. Lá no meu blog tem um link para este aqui. Está lá e vai ficar. Não faço a menor questão de que você coloque aqui um link para o meu blog. Não deixarei de vir lhe visitar ou ler o seu blog por isto.

Fui claro? rsrs

Ricardo Rayol disse...

Respondendo:

1) Na medida do possível visito todos os blogs linkados. Nem sempre com a assiduidade que gostaria mas o tempo é um ser cruel.

2)Visito alguns blogs que não linko. Não imediatamente. Em geral acompanho um pouco antes de decidir se linko ou não, depende se tem conteúdo, se é bem humorado e por aí vai. Não condiciono meus links a recíprocas. E com certeza recomendo todos que estão no meu blog.

3) Uma lista grande de links pode tornar as visitas inviáveis. O tamanho não tem nada a ver o que vale é a forma que se usa ;-)

4) Como visito todos os blogs se percebo que algum realmente está fora do ar eu tiro. No caso de não estar sendo atualizado eu geralmente mando um email perguntando antes de deslinkar.

5) Como eu disse acima eu só linko se tem a ver.

6) A primeira sim, a segunda não sei.

McNasty disse...

Eu não tenho grandes critérios para linkar -se simpatizo com o blog, coloco o link e pronto. Tenho alguns critérios para deslinkar -removo os blogs que sumiram e aqueles que, embora continuem acessíveis, anunciam que não mais serão atualizados.
Quanto a só linkar quem concorda comigo, uhn, ia ser difícil. ;-)
Não acho que uma lista de links seja uma recomendação formal ou o equivalente a conceder carta branca aos blogs que a integram. É mais como, "yo, esses caras me são marromenos simpáticos por algum motivo. Se te interessar, arrisque".

Rafael Galvão disse...

1 - Há, americanos. Não há sentido em linkar.
2 - Não.
3 - Não.
4 - Normalmente linko de volta.
5 - Recomendo, sim.
6 - Eu não costumo olhar blogrolls, nem acho que alguém ainda olhe, ainda mais quando são grandes.
7 - "O que importa não é o tamanho do blogrolls, mas o prazer que ele dá", disse o mal-dotado.
8 - De vez em quando eu eu dou uma varredura no blogroll pra ver os blogs q

Rafael Galvão disse...

Apertei um botão qualquer sem querer.

Continuando:

às vezews faço uma varredura. Blogs abandonados eu tiro do blogroll.

Eu adoraria linkar blogs que só falam bem do governo. Quanto a Falar mal do meu time, eu sou flamenguista. Se eu for me importar com isso... :)

Já fui deslinkado porque alguém perdeu o interesse no blog, o que é normal, ou depois de algumas confusões, oq eu é maravilhoso. ;)

CrissMyAss disse...

Rafael adora um barraco.

CrissMyAss disse...

Uncle Fudilson, obrigadilson pela visilton.

CrissMyAss disse...

Vivo indo a blogues que não me linkam e não tou nem aí. Muitas vezes não comento, portanto nem sabem da minha existência.
Minha lista de favoritos no I.E. é muito maior que minha lista de links.
Odeio política e políticos, por isso visito pouco o Rayol, o Sombra, o Serjão e o Arcanjo, que falam só ou exclusivamente de política, e quando até eles estão cheios da política acabam vindo me ver. Obrigada.
Bato ponto em certos blogues todo dia (CarneCrua, Pecus, Fitz, MacNasty, Rafael, Observador), nos outros com frequência e alguns (como no Mello e no Ratapulgo) eu visito pra chacoalhar o cara e forçá-lo a escrever.
(O Ratapulgo escreveu uma história ótima, paródia do Código DaVinci, em capítulos. Depois, deve ter tido uma daquelas depressões pós-parto e deu uma parada).
RECOMENDO:
O melhor blogue da minha lista é o Club dos Terríveis. Bem escrito, variado, engraçado, original.
Já fui deslinkada uma vez, por causa de um mal-entendido com o (finado) Mantis. Depois ficou tudo esclarecido e ele me re-linkou. Acabei deslinkando ele (que concordância bonita, mas foda-se, deslinkar não é verbo mesmo..) porque ele tirou o blogue do ar, ou cometeu blogocídio, como diz o Wilson.
Gosto de novidades e de clicar em listas alheias pra ver no que dá.

Denise Sollami disse...

Sim, há blogues que eu visito e que não linko, mas há também alguns linkados no meu blog que não visito tanto. Pq? Não sei com exatidão, mas há pessoas com quem me comunico mais, não tem tanto a ver com gostar ou não gostar.
Não fico nada chateada se alguém que visito não me linka, nem espero que o façam. Quem quiser, que me linke. Agora, quando acontece, fico feliz.
O critério para linkar algum blog é eu gostar do conteúdo, apenas isso. Recomendo todos da minha lista.
Quando vejo uma lista grande, penso que o blogger está na área há um tempinho. A tendência é que a lista cresça. Nunca linkei ninguém por cortesia, como tampouco tenho na lista blogs inativos. Blog é um ser vivo no universo, tem que ser atualizado; do contrário, um abraço.
E outro pra vocês!

Rogério de Moraes disse...

Tenho minhas regras, mas nenhuma muito rígida. Dos que linko, leio algus diariamente (Rafael, Catarro, Taxitramas, e mais recentemente este aqui); outros leio mais esporadicamente. Não gosto de listas imensas de links, às vezes me soa como perfis de orkut com centenas de amigos - é óbvio que ninguém tem 776 amigos de verdade; como é óbvio que ninguém acompanha com frequência mínima mais do que 15 ou 20 blogs. Mas vai de cada um. No Obscenum o limite é entre 15 e 20, que é o que acho que dá para acompanhar e ver se ainda vale a pena linkar. Linko unicamente porque quero dividir com meus dois ou três leitores coisas que acho legal (não é incomum eu reproduzir posts de outros blogs ou indicá-los; o campeão nisso ainda é o Galvão e o Catarro), por isso não faço questão que me linkem, embora não nego que é sempre uma surpresa agradável ver que alguém te incluiu e indicou (não nos esqueçamos do fator vaidade, que sempre conta). Não linko para agradar ninguém, linko porque acho relevante, mesmo quando não concordo (o Galvão às vezes escreve umas coisas que não engulo, mas não sou bom de briga como ele, então não comento). Retiro quando está abandonado, sumariamente.

Passarim disse...

Cris,

No meu blog tem poucos links por que tenho critérios para incluir ou recomendar um blog na minha seção de "Excelentes, ou mais". Um dos critérios é a reciprocidade. Outro é qualidade dos textos e o conteúdo. Vc por exemplo está lá por que tem textos de qualidade e conteúdo discutível, que provoca discussão como está aqui. Ainda não fui deslinkado, mas já deslinkei um pessoa por entendê-la preguiçosa. Um blogueiro comprometido tem obrigação de colocar pelo menos um texto por semana. Tem que ser educado e retribuir as visitas, comentando o seu artigo ou o artigo do blogueiro que te visita. Meus links são de fato "Excelentes, ou mais" e a primeira coisa que faço quando estou navegando é retribuir as visitas e dar um giro nos meus linkados. Vc está lá. Por falar nisso, vai aqui e está la no Aparte, este artigo que escrevi sobre a importância do blogueiro:SOLIDARIEDADE PARA MUDAR E TRANSFORMAR

Somos no mundo moderno o que na linguagem mais simples e geral da internet denominou-se “Internauta”. Mas diferentemente dos demais nos destacamos por que não somos somente internautas, somos ao mesmo tempo “blogueiros”, aqueles que escrevem com total liberdade. Alguns sites tem inovado e usado o blog como um tipo de mídia, no qual jornalistas e outros segmentos profissionais colocam notícias, informações e comentários da sua área (profissional, política, esportes, televisão, arte, educação, cultura, cinema, música, meio ambiente, saúde, lazer, etc.). Pertencemos à elite da mídia, pois representamos não mais que 2 % da sociedade brasileira com poder de comunicação. Pode parecer pouco, mas é este pequeno segmento que faz a repercussão, discute e forma a opinião, o pensamento dos outros 98 % da sociedade. É neste nosso minúsculo seguimento que a maioria (98%) busca informação, conhecimento, em síntese, o saber. Este fato nos torna responsável pelo rumo que pode tomar as decisões mais importantes deste país. Cada um de nós está ligado a uma comunidade, seja profissional, religiosa, desportista, cultural, etc., onde discutimos e aqui repercutimos essa discussão, contribuindo, conscientes ou não, para a formação do pensamento nacional. Pensamos diferentes, mas sonhamos o mesmo sonho. Queremos o mesmo para todos, um País onde haja liberdade e oportunidade iguais para todos. Se sonharmos o mesmo sonho e queremos o mesmo para todos, então podemos juntos realizar a mudança para a transformação em benefício de todos. Basta nos unirmos para este objetivo, transformando esta nossa rede em uma corrente resistente, solidária e capaz de mudar para transformar.
Abs. Jarbas do Aparte.

CrissMyAss disse...

Desses dois por cento, pelo menos a metade é formada por picaretas, malandro-otários, pelegos ou asceclas de algum filho-da-puta.

S0MBR4 disse...

QUE MENTIRAAAAAAAAAAA!!!rsss
EU SEMPRE TO DE SACO CHEIO DE POLITICA... SE SEU ARGUMENTO FOSSE VALIDO EU NAO SAIRIA DAQUI E PASSARIA A VER TUDO AZUL FULL TIME!!!

falar mal de politica me faz bem... ja pensei em escever sobre n outras coisas, mas aí precisaria de um dia de 48 só pra postar tudo que dá vontade!

mas qdo eu me livrar da convivencia com esses politicos, o que eu espero que seja muito em breve, vou abandonar aquele blog e me dedicar a outros assuntos... como o Arcnajo disse, blog politico dá no saco!!!

vc reclama do strix sob efeito das 100 latas de cerveja diária... imagine 100 militantes sóbrios comentando e mandando emails! chato pra caraioooo!!! só mantenho o blog pq me dá prazer saber que eu consigo incomodar de alguma forma essa patuléia!

PS: só metade dos 2%?! quase 70 milhoes de blogs segundo o technorati Crisss... pode jogar seu % para casa de 90!!!!

José Marcos disse...

Tem lá um link que eu tenho questionado, de um blogue de que gostava, mais de que não tenho tido muito boa impressão. Mas procuro visitar todos os links que coloquei, com bastante freqüência. Inclusive o link para o teu blogue, que acho dinâmico, objetivo, fácil e gostoso de ler. Valeu vir aqui hoje, pelo momento de reflexão.
Abraço imenso

Simone disse...

Eu não tenho links no blog. Coloco todos numa seção do meu site pessoal - seção esta que nunca tive vontade de linkar diretamente do blog. É que muita gente trata o link como um rabo preso, uma troca de favores... e bem sabemos o que isso resulta na política. Tem blogs que deixam de ser atualizados, outros deixam de ser os seus preferidos, e há blogueiros que ficam ofendidos facilmente. Prefiro ser discreta.

Moacy disse...

Oi, não tenho como procedimento básico relacionar este ou aquele blogue e sim, a partir do aproveitamento de poemas (que me agradam), textos diversos (que me parecem interessantes) ou coisas tais, dar os necessários créditos(claro!), remetendo o provável leitor para o blogue em questão. Costumo fazer comentários (mas não deixo de fazer visitas ou mesmo comentar), só porque a recíproca nem sempre é verdadeira. Não faço visitas diárias a nenhum blogue, mas procuro fazê-las pelo menos uma ou duas vezes por semana; uma boa parte do meu tempo é dedicada a outras atividades, culturais ou não. Um grande abraço.

Ricardo Rayol disse...

Cris

A minha indignação são com coisas do cotidiano. Neste ponto você manda muito bem. É ferina e engraçada. O resto, como a politica vem a reboque.

S0MBR4 disse...

o argumento do rayol é muito bom!rs

meu blog é contra o crime! o que eu posso fazer se em cada 10 crimes, 11 tem politicos?!?!rs

;-p

Frederico disse...

ANTES DE TUDO, revelo que sou um BLOGGER principalmente de dias úteis. Geralmente não acesso no final de semana porque outras atividades tomam conta da minha vida. Dito isso, afirmo que estou admirado com o número de posts. Caraca, fiquei para trás... Mas, como nunca é tarde para começar, vamulá. // Eu costumo passar em todos os meus links sim. Mas, para isso, tenho poucos. São uns... 6 blogs e mais um número próximo disso de sites de interesses diversos. Se coloquei lá é porque os julgo interessantes, como esse aqui da querida Cris (e todos, por sinal, estão bem ativos). Não sei quanto aos nobres freqüentadores daqui e não quero ser grosseiro mas acho estranhíssimo esses blogs com dezenas e dezenas (e dezenas) de links. É ÓBVIO que a pessoa não os visita com assiduidade; não teria tempo. Parece aqueles adolescentes de ORKUT (coisa que não tenho, não me procurem lá) com centenas de “amigos” para sentir-se bem, coisas da imaturidade. E tem aquilo: a gente visita uns blogs mas muitas vezes nunca mais lá volta. Umas porcarias...

Frederico disse...

Quanto à longa msg do Passarim: Não acho que blogs tenham - ao menos no Brasil - essa força toda. Pelo contrário, têm alguma força com uma parcela ínfima da população (e ainda assim aqueles que falam de coisas "sérias" e costumeiramente chatas). O que tem força aqui é um apadrinhamento. Nem mensalão, nem sanguessugas, nada tira a importância do poder, desde que você divida o lucro... O blog da CRIS, por exemplo, tá cagando para a "ordem estabelecida"; agora usa de metalinguagem e discutimos blogs. O meu fala de qualquer coisa, sem pretensões. Então, não, meus jovens, não vamos mudar o mundo.

Fitzwilliam disse...

Muito complicado isso de lista, não tenho. Nem nunca entrei num blog listado em outro blog. Só entro em outros blogs por ver algum comentário do blogueiro em algum lugar ou por referências em posts.

Maldizente disse...

O Maldizente, além de falar na terceira pessoa, tem uma preguiça do cão na hora de colocar os linques.

disse...

- visito todos, comento em uma pequena parte deles, o critério para linkar um blog é o critério de leitura e/ou de amizade com o blogueiro - tenho amigos com que troco emails e scraps freqüentemente e que tem blogs, portanto, acabam sendo linkados imediatamente por lá.
- sim, tem blogs que visito que não estao no meu blog, simplesmente pq estão nos outros que visito diariamente, daí pulo de um lugar para outro.
- já deslinkei vários, vivo fazendo isso, de acordo com a vontade que tenho de frequentar o blog, ou quando o mesmo deixa de ser atualizado.
- não fico chateada se o blog que frenquento nao linka o meu, até pq isso ocorre com a maioria, e eu tbm nao linko todos os blogs que me linkam, apenas os que visito com certa freqüência.
- qdo vejo uma lista de links enoooorme no blog de alguém penso: preguiça de conferir todos. Prefiro listas mais curtinhas.
- mentira, nem sempre penso isso, tbm me divirto a beça qdo nao tenho nada pra fazer e saio pulando de blog em blog através dessas listas enoooormes. dá pra encontrar muita coisa boa.
- não linko pela cortesia da reciprocidade, acho isso bobagem
- xi, acho que respondi tudo.

Homem-Hipérbole disse...

Eu uso como o favoritos... Tipo o S0mbr4, mas com menos paciência de ficar embelezando... Eu gosto muito de estante. O sidebar do blog serve como uma, onde posso colocar qualquer tipo de tranqueira que eu "acho" que vá enfeitar...

Sendo que o papo de 2% / 98%... Quando eu comecei a ler, achei que falavam de água no corpo do homem... calculei errado...

Claudia disse...

Criss, tenho poucos links e nunca pedi que me linkassem, nem nunca me pediram. Linko blogs que acho interessantes, que têm alguma afinidade de pensamento.
VIsito-os diariamente e, sempre que possível, deixo comentários. Se acho que não tenho nada a acrescenter, enfio o rabo entre as pernas e saio.
Blogo para me divertir, acrescentar, sem estresse e sem agressões.
Live and let live, tem espaço pra todo mundo ;-)
Pode chamar de vaselina, não me importo, já deixei de brigar com a vida há muito tempo. Tô aqui para ser feliz. Bjs