terça-feira, agosto 22, 2006

PAIN-IN-THE-BLUE-ASS

Sabe o tele-cheque? O SPC, essas coisas?
O comerciante associado liga pro tal Serviço e obtém, na hora, informações sobre a "situação creditícia" dos clientes, defendendo-se, assim, contra os maus pagadores.
Então: devia haver algum serviço semelhante para nos defender dos chatos.
Vai sair com alguém que conhece pouco? Ligue pro Tele-Chato, dá o nome do cara (ou da mulé) e vê se ele é fichado.
Vai fazer um vernissage, um coquetel, e está com dúvidas ao elaborar uma lista de convidados? Melhor conferir o Cadastro Nacional dos Chatos.
E você, profissional liberal: arrumou cliente novo, precisa mandar a proposta: Ligue pro Tele-Chato. Pra fazer o preço justo, ou mesmo pensar duas vezes se quer mesmo pegar o trampo!
Por outro lado, se você, desavisadamente, teve contacto de qualquer grau com algum cliente, cacho, cônjuge ou conviva, chato, mas muuuuito chato mesmo, colabore. Ligue pro Tele-Chato e dê a ficha do sujeito. Haverá um resumé qualitativo (se a chatice foi detectada no âmbito pessoal, profissional ou social), e outro quantitativo (relativamente chato/ chato o suficiente para não recomendar / muito chato / chato pra caralho).
O Serviço contará com mão-de-obra especializada em identificar os chatos, além de remunerar toda denúncia anônima (comprovada ou testemunhada), feita por amadores idôneos e cadastrados no sistema.
(Post com a colaboração do pessoal do trabalho)

33 comentários:

S0MBR4 disse...

Um serviço essencial... mas o título do post me lembrou hemorroida!!!rssssssssss

Frederico disse...

Fiquei tontão com as recomendações do Arcanjo... // Cris, esquece o Jarbinhas. Segue em frente, filha.

gugala disse...

"chato no saco dos outros é cosquinha"

Nevão disse...

PARASITAS

Eu trago no intestino uma lombriga,
bicho de estimação desde criança.
No meu aniversário é uma festança,
mas para ela quase ninguém liga.

Só eu conservo vívida lembrança
do dia em que mostrou ser minha amiga.
Com uma solitária travou briga
e expulsou-a aqui da minha pança.

Depois piolho, pulga e carrapato
de mim fizeram ótimo hospedeiro,
só falta agora achar em mim um chato.

Phtirus pubis, nome verdadeiro,
mas se tomarmos no sentido lato
o que não falta é chato, companheiro.

Fitzwilliam disse...

Ótima sugestão! Mas com a internet o melhor é criar um tipo de orkut ao contrário. Você se cadastra pra poder consultar o sistema, mas ao entrar no sistem está sujeito a ser classificado pelos outros usuários. Chato, muito chato, saia correndo pela sua vida, etc. A única coisa que o cadastrado poderá fazer é postar a sua defesa, vedado qualquer adjetivo pejorativo fora da classificação oficial. Os não cadastrados que forem classificados podem receber um simpático email: Seu chato, alguém não gosta de você, entre no nosso site.

anna disse...

cryss, não devemos exterminar e excluir os chatos das festas, reuniões, vernissage, etc.
ex: vc tá numa festa, cheia de rodinhas de amigos. numa delas atraca um chato. todos, um à um, vão saindo de mansinho e se atirando na primeira roda de gente que encontrar. com isso as turmas se misturam. quantos casamentos, encontros não devem ter um chato como motivo?

Serjão disse...

Tem razão. Se eu for eleito vou implementar esta idéia.

Serjão disse...

Voltei para perguntar:
O disque denúncia não pega estes casos?

Leandro disse...

Não gostei da idéia. Acho que eu seria fichado logo de saída...
Uma vez vi, em algum programa, de algum canal televisivo que exite, em algum lugar, uma página com o cadastro, administrado e mantido por mulheres, dos caras galinhas.
Abraço
P.S.: Tá doendo aí, é?

Camarada Arcanjo disse...

Ôba, sou o primeiro... Ahmm..

Bom! Resta saber se primeiro a comentar ou primeiro no cadastro. rsrs

Interessante. Quem avalia passa pelo crivo de quem? rs

Denise Sollami disse...

fácil: é só pegar o cadastro da OAB.

Camarada Arcanjo disse...

Ih! Não fui o primeiro! rsrsrs

CrissMyAss disse...

Um mecanismo equivalente ao disque-denúncia seria a alma deste empreendimento, mais desafiador que a própria wikipedia ou que o projeto genoma.
...
Pois é, Leandro, ainda tem mulher que se dá o trabalho de ficar dedurando caras galinhas, como se fosse difícil reconhecê-los e obrigatório relacionar-se com eles.
...
Serjão, eu ia votar nulo, agora vou votar em ti.
...
Quanto ao crivo, o julgamento e o direito à defesa dos chatos: Sempre seremos chatos para alguém. Em certos meios sou chamada de Cri-cri-my-ass. Fazer o que?!
...
As denúncias têm que ser fundamentadas, testemunhadas, justificadas por um pequeno resumo e classificadas em pessoais, sociais e profissionais.
Ao consultar o "listão", você mesmo avalia se vale a pena namorar uma mulher que troca sistematicamente todos os presentes que ganha, ou ter como cliente um sujeito que joga bocha.

Camarada Arcanjo disse...

Serjão se candidatou?
A deputado estadual? É? rsrsrs

Eu vou votar nele, então!

Camarada Arcanjo disse...

Criss,
Um grupo com tempo e algum conhecimento em informática pode criar uma espécie de Wikipédia do Relacionamento com avaliações livres sobre pessoas.

Software Livre para isto existe. É o mesmo da Wikipédia e disponível para download.

Atenção com os custos para hospedagem e manutenção de moderadores e sistema. Por outro lado, não vai faltar anunciantes para este tipo de site. rsrsrsrs

S0MBR4 disse...

Arcanjo foi vitima do gap de moderação!rssssssss

Perozzi disse...

Só tem que ver se esse tele-chato não vai ficar me enchendo o saco no domingo de manhã, com uma mocinha perguntando ao telefone se eu tenho sido bem atendido.

Camarada Arcanjo disse...

Me esforçando para participar do "chadastro" da Criss. rsrsrs

Adelino disse...

Criss, a sua idéia é boa, mas funcionaria aqui neste Patropi? Logo estaria correndo "algum" por baixo dos panos para excluir alguém. Todos nós tem alguma coisa de chato. A diferença entre os chatos sacramentados e os outros menos votados, é que estes, sabendo que são chatos, procuram se corrigir. Como sou chato, vou voltar num próximo comentário - caso você, Miss Criss, não me censure...
Adelino

pecus disse...

Sem querer ser chato, não parece a lista negra no macartismo?

Serjão disse...

Eo me candidatei nada. Foi só brincadeira. Ainda mais Deputado Estadual. Ser Presidido pelo PicciANI? Tá louco.

Ricardo Rayol disse...

ahahahahahah idéia excelente. Aliás por que nao fazer um blog onde todos pudessem postar os nomes dos chatos com as respectivas qualificações?

basilisco disse...

Ótima idéia, e ótimo blog também. Volto a lhe visitar.

Nelson Moraes disse...

A se sugerir também o SPCF - Serviço de Patrulhamento dos Contadores de Final. Ao começar uma discussão sobre um determinado filme, você liga no celular pro SPFC, dá o nome o sujeito e verifica. Se ele for realmente adepto dos spoilers, você tecla o 911 - que a polícia vem, leva o meliante rapidinho e a conversa prossegue, agradável e sem pentelhações. :-)

CrissMyAss disse...

Nelson, quanta honra... (benvindo e volte sempre).
Sabia que existe um blogue chamado estragafilmes?
O cara lá conta todos os finais. Como idéia, é meio bisonho, mas não deixa de ser engraçado.

CrissMyAss disse...

Obrigada, Basilisco.

CrissMyAss disse...

Rayol, seria mesmo ótimo.
Podia se chamar "chatopracaralho.com.br".

CrissMyAss disse...

Perozzino, o Tele-Chato só estaria autorizado a ligar pra chatear os chatos. Assim, ó:
(domingão, oito da manhã).
"- Bom Dia!!!!!!!!!!!!, meu nome é Michelaine Aparecida, estou ligando em nome do Tele-Chato para estar lhe informando de que o senhor está sendo incluído em nossos cadastros. Se o senhor estiver desejando estar sendo excluído, poderá estar recebendo a visita de um de nossos identificadores de chatos, que poderá estar indo em sua residência para estar verificando a pertinência da acusação que está sendo feita contra o senhor..."

CrissMyAss disse...

Pecus,
Ao consultar o listão, cada um faz sua avaliação. Haveria um resumo do tipo e do grau da chatice.
No mais, sempre seremos chatos pra alguém, e a chatice de uns, às vezes, não é assim tão chata pra outros. Do contrário, não haveria casamento!
Além do que, existem chatos que o são de forma absoluta e incontestável. para com os quais não precisamos ser politicamente corretos. Paredão neles!!!!

Nevão disse...

O CHATO

Tem cara por aí que não se toca.
Fala bem alto e só conta vantagem.
Entre os amigos ele diz bobagem
e entre as mulheres passa por boboca.

Um outro tipo é aquele com coragem
de ir pro cinema com lata de Coca,
comendo uma montanha de pipoca,
fazendo um barulhão co'a embalagem.

Terceiro tipo é o cara que cutuca
o braço ou a barriga do parceiro,
como um tatu na terra que cavuca.

Mas o pior, o chato verdadeiro,
merecedor de um bom tiro na nuca,
é o que me faz cobrança de dinheiro.

Denise Sollami disse...

A definição do Millôr pra chato é ótima: é alguém que conta tudo tim tim por tim tim e depois entra em detalhes...

Camarada Arcanjo disse...

s0mbr4,

Não é gap da moderação.

Estou usando um passe livre para velhinhos no blog da CrissMyAss. Desse modo, entro, mostro o cartão para a moderação e a moderação fala bip,bip. rsrs

Depois da pesquisa do post "VAMOS AOS NÙMEROS", me dei conta de que sou quase um ancião. rsrs

Adelino disse...

"Todos nós TEM alguma coisa de chato..." (Adelino)

Eu não acredito ter escrito isto! Cadê o meu revisor? Vai ser demitido por justa causa...
Adelino