quarta-feira, setembro 20, 2006

ATENÇÃO ATENÇÃO! ÚLTIMA CHAMADA!

Pessoal, vam'bora responder à última questão da nossa pesquisa-debate, que ficou ali embaixo esquecida, quase sem quorum.
Não custa nada, não requer prática nem habilidade. Mais ou menos assim, como escrever num blogue.
E vem aí... a última rodada da pesquisa CrissMyAss sobre a blogolândia.

(Enchi o saco disso já, também. Só vou mandar porque o post tá pronto).

No momento, estou entretida em uns quatro barracos simultâneos em blogues alheios. Num eu falo mal do governo, em outro falo mal da oposição, e nas horas vagas taco fogo numa briga entre blogueiros, cujo motivo não faço idéia qual seja. Desconfio que nem eles.

ATUALIZAÇÃO: Pegou mal. Agora rola uma censura lá na tal barracada, ficando claro que a briga é só deles e os comentaristas que quiserem barraquear também, que o façam em seus próprios espaços.
Tem razão! Aquilo estava indo longe demais, uma falta de respeito, uma bagunça, uma total imaturidade, uma baixaria. E, principalmente, a discussão tinha perdido completamente o rumo e nada mais tinha a ver com o assunto que a originou, e que era... outra briga.

18 comentários:

Camarada Arcanjo disse...

Pesquisa!
Que pesquisa?
Onde?
(olha para um lado.. olha para o outro.. nada!)
Cadê a pergunta?
Me mostre que rsponderei!
Adoro pesquisa!

Camarada Arcanjo disse...

Ó! Criss.

Eu não gosto de barraco.
Estou avisando, que eu não gosto de barraco.

Prefiro as mansões elegantes com pérgolas e piscinas límpidas, salões de luxo francês, vasta criadagem e muita viadagem.

Porém, nelas o bate-boca, a gritaria, a pancadaria e a baixaria ganham furor e fazem o maior sucesso, na TV.
Isso tudo dentro de barraco não dá IBOPE.

tsc, tsc, tsc.. Voltamos às pesquisas.. rsrs

CrissMyAss disse...

Viadagem, tou fora.

Arcanjo, a pesquisa está no post "atenção para nossos novos horários de funcionamento".
Trata dos métodos e hábitos dos blogueiros.

tsc, tsc, tsc;

Camarada Arcanjo disse...

hââmmm..
Era pesquisa?
Pensei que fosse só um aviso. rsrsrsrs

S0MBR4 disse...

nao entendi nada do barraco!
:-(

Camarada Arcanjo disse...

Nem eu.

Fui no link e parecia futrica de comadres, fogueira de vaidades, iras mastigadas, e invejas declaradas.

Quase todos os pecados capitais no mesmo bate-boca, sem uma causa ou motivação racionalmente justificável.

Gosto de mansões, já disse. rsrs

Camarada Arcanjo disse...

Respondí a pesquisa lá em baixo (Atenção para nossos novos horário de funcionamento).

Fiz mal? rsrs

Frederico disse...

pô, fui lá no hermenauta e num achei nada. só tem comment zero! cadê a confusão? pô, sacanagem. I love a barraquice.

CrissMyAss disse...

Isso, Arcanjo, fogueira das vaidades.
Pena que tiraram os comentários do ar, Freds. Precisava ver o que me disseram!
Resumindo:
A briga é entre o legendário Hermenauta (vulgo Smart Shade of Blue) e um tal de Paulo do blogue FYI; O motivo original, desconheço; só sei que esse Paulo cortou totalmente os comentários em seu blogue porque estava de saco cheio de discutir com o Hermenauta. Tipo criança que toma a bola no meio do jogo. E fez um post explicando essa atitude. Em "ingrês".
O Hermenauta fez um post enorme criticando a atitude desleal do outro e linkando pros leitores verem o que ele tinha feito. Que foi aliás como eu acabei vendo esse tal FYI.
Eu ia nesse Hermenauta de vez em quando, mas ele fala muito de política, cita muito jornal e revista e seus posts são verdadeiras reportagens, então não é sempre que eu tenho saco pra ler, que dirá pra comentar.
Mas fiz um comment lá (no Hermenauta) sacaneando o inglês do tal Paulo, e um leitor, um tal de Alexandre, que me parece habituê do Hermenauta, e mui do lado dele, veio me sacaneando da maneira mais chula possível. Em defesa do lado oposto, o que foi mais engraçado!
Eu respondi e começou esse barraco paralelo, numa troca de ofensas que eu (e, acredito, ele) estávamos curtindo horrores.
Mas isso desagradou o Hermenauta (isso, ou outra coisa qualquer, não sei), só sei que ele botou moderador nos comentários e removeu todos os comentários anteriores.
O cara é sério... até pedi desculpas pela parte que me toca; Acho que não adiantou.
Traumatizei...

Camarada Arcanjo disse...

hauhahuahuahuhauhau

Esse prazer em traumatizar (BSM? rsrs) está virando moda. rsrsrsrs

Uma delícia...

Denise Sollami disse...

Começa a ganhar corpo minha teoria sobre relacionamentos virtuais, uma base científica mesmo, desenvolvida a partir da experiência empírica.
Em suma, a teoria diz que, à míngua da presença física - e, portanto, da ameaça que isto significa, porque desaforar alguém pessoalmente pode acabar em sopapos -, a virtualidade tolera e encoraja a baixaria.
E baixaria sempre diverte quando se tem a certeza que não vai se ganhar um belo tapão na cara...

CrissMyAss disse...

Denise, falou tudo.
Eu mesma já me livrei de levar porrada várias vezes.

Camarada Arcanjo disse...

Denise é bamba, foi com o dedo na ferida.

Acontece que eu já soube de hackers que foram buscar um animalzinho em casa as 4h da manhã e encheram-o de cacete.

Parece que não ficaram satisfeitos de contaminar o micro do desafeto, e denuncia-lo como Spammer, entre outras maldades virtuais. rsrs

Tem de tudo nessa vida.

Adelino disse...

"Em suma, a teoria diz que, à míngua da presença física - e, portanto, da ameaça que isto significa, porque desaforar alguém pessoalmente pode acabar em sopapos -, a virtualidade tolera e encoraja a baixaria." (DENISE SOLLAMI)

Denise, não sei do que se trata, mas em compensação a virtualidade também encoraja gestos de delicadeza, de carinho e de sensibilidade que talvez - por temeridade ou timidez - jamais se manifestassem pessoalmente.
O resto são exceções.
Um abraço do

CrissMyAss disse...

Sim Adelino, principalmente gestos de carinho, sensibilidade e delicadeza para com mulheres casadas...
O que, em última análise, nos remete à absoluta verdade contida na afirmação da Denise.

Adelino disse...

Criss, como eu disse, não conheço o mérito do assunto em pauta, e acho que nem quero conhecer. Falo em tese. É claro que delicadeza, carinho e gentileza são sentimentos e ações que deveriam ser dispensados a todas as mulheres, independente de elas serem ou não casadas. Eu apenas complementei o comentário da Denise ao dizer que as comunicações virtuais servem também às boas ações. As demais são exceções. Fiz-me claro, Criss?
Um abraço do leitor

CrissMyAss disse...

Positivo e Operante, Adelino.
Foi claro desde o início.
Eu é que estava de gozação com você.
Não ligue, não!
um abraço

Adelino disse...

Ok, Criss. Tudo bem.
Abraços