sexta-feira, setembro 22, 2006

O DIABO E A POMBA FLOQUINHO




Já repararam como é meio ambíguo o símbolo da Igreja do Macedão?
Teoricamente é uma pomba, mas não dá pra ver direito se ela está voando pra frente ou pra trás, pra direita ou pra esquerda ... o que é cabeça, o que é rabo... que nem aquele cachorrinho verde do Cebolinha, o Floquinho. (aliás, é Floquinho ou Froquinho?).

Mas não era sobre isso que eu queria escrever.

Eu sou tão alienada, mas tão por fora da política, principalmente a local, que nem me dei conta. Só hoje vendo as bandeiras e banners no centro da cidade foi que percebi:
O Bispo Crivella é (ou pelo menos se diz) o candidato do Lula ao governo do Rio.
Pô, nas últimas eleições, ainda me lembro da minha faxineira, uma caboclinha completamente lavada cerebralmente pelo Macedão, me dizer, entre outras coisas que:

(a) Nossa Senhora é Exu (ou um pedaço de madeira, depende do dia)
(c) Queijo gorgonzola é obra do Demo (essa eu conto outro dia)
(b) Lula é o demônio, e se ele vencesse (em 2002) o mal triunfaria.

Meio vago, mas enfim...

Agora que o Bispo Crivella é o candidato do Lula, o que será que eles estão enfiando goela abaixo dos fiéis? Qual será o discurso? Como vão explicar esse novo paradigma?
Certamente não através da equação abaixo:
Lula é o Diabo = Crivella é Lula = Crivella é o Diabo = Crivella é da Universal = A Universal é do Macedo = O Macedo é um homem de Deus = Deus é o Diabo.

Será que eu devo confrontar a caboquinha ou deixar barato?

16 comentários:

Pinto disse...

Eu jurava que obra do diabo mesmo era o provolone, mas vou adorar ouvir a historinha.

Leandro disse...

Óia...
Por certo o "tratamento" já foi ministrado (sentiu o trocadilho?) e tudo o que você disser cairá no vazio.
Eu, se fosse você, deixaria pra lá.
A propósito: O sincretismo chegou na IURD e parou por ali mesmo.

Leandro disse...

P.S.: Você tá devendo a história do gorgonzola!

Serjão disse...

Ótima análise de dedução. Mas se Queijo gorgonzola é obra do mal, um bom pene ao Molho de Queijo gorgonzola é obra de Deus

Nevão disse...

RELIGIÕES

De religiões a lista é mesmo imensa.
Só não professo uma por preguiça.
É culto e procissão, é reza e missa.
Que confusão na escolha duma crença!

Em Roma o Papa tem Guarda Suíça,
por causa duma antiga desavença:
Lutero quis casar na Renascença,
cansado de transar só com noviça.

Já no Iraque, a briga do xiita
com o sunita agora é de dar medo.
A tropa americana vive aflita...

Só falta o meu Brasil entrar no enredo:
tem muito pai-de-santo que se irrita
e faz mandinga pro Bispo Macedo.

Adelino disse...

Criss, acho que vamos ter surpresa, um segundo turno, com Denise Frossard e Sérgio Cabral.
Estou impressionado com o visível crescimento da candidatura dela.

Uma sugestão, Criss. Por que não uma pesquisa do "DATACRISS" entre os seus leitores para as próximas eleições? Ou é probido isto nos blogs? Se for na véspera será quase uma "pesquisa de boca de urna"...
Um abraço do

sergio andrade disse...

Criss, acho que vc deve deixar quieto. Seria gastar muita vela com pouco defunto :)

Camarada Arcanjo disse...

Gorgonzola!!! Obra do Mal!!!

Um queijo que é uma poesia. Não existe molho de 4 queijos sem gorgonzola! Se não tiver gorgonzola, pode colocar mais de vinte queijos, pois nunca será (ouviu bem?), nunca será um molho 4 queijos.

O Serjão como está no céu sabe que o Gorgonzola é uma obra de celestial.

A sua eqüação eqüacionou com eqüidade a eqüinidade da política vagabunda que aí estão a nos apresentar a classe política.

Lembre-se e muito cuidado: O demônio sempre se refere a Deus, em tudo o que ele próprio faz. O fato do sugeito dizer que é um intermediário de Deus, não garante que seja Deus, quem ele intermedia.

Muito bom o seu texto.

Giulia disse...

Confronta, confronta! Ou está com medo de perder a faxineira? rsrs

CrissMyAss disse...

Adelino, que eu saiba, nada é proibido aos blogues, a não ser lá pras bandas do Maranhão - ou - onde é mesmo que SirNey apascenta seu gado?
Mas uma pesquisa aqui, não sei se ia adiantar muito: Poucos leitores do Rio, até onde eu sei. Veremos.

CrissMyAss disse...

Pois é, uma vez esta criatura veio de Pedra de Guaratiba a Botafogo tentando em convencer que Maria era Exu.
E eu dizia, "mas ela não é a mãe do teu Senhor Jesus?" Como pode Ele ser filho de Exu? Se Exu é o Diabo, Cristo é cruza de Deus com o Diabo?"
E ela: "aquilo é só um pedaço de madeira", referindo-se naturalmente à imagem que os bispos destróem a pauladas - não que eu tivesse questionado esta ou qualquer atitude de bispo algum, eu nem sei como foi que esse papo começou.
Mas ainda tentei: "você se refere à imagem, que é só um símbolo. Mas você há de aceitar que Cristo teve uma mãe, não? Acha então que esta mãe, a pessoa, era mesmo Exu?"
"Ah, mas ela não era pura como dizem, ela era uma mulher, logo tinha pecado"
"Ah, então, no seu entender, o que ela foi, fez e suportou ainda foi pouco para fazer dela uma Santa..."
"Não existe santo, só o Senhor Jesus".
"Sei. E você não acha que é um desrespeito à religião dos outros, destruir uma imagem de uma Santa que afinal, é mãe do mesmo Cristo que você adora?"
"Aquele é o Cristo morto. Eu adoro o Cristo vivo". (Ah, tá)
"Vocês falam mal das imagens, que são apenas símbolos, mas os Bispos da Universal vivem criando símbolos como "A Rosa Ungida", "A Espada do Bem" e diversos outros brindes que eles vendem nos cultos, cheios de superstições, e isso não é um símbolo? E aquela pomba, não é a mesma coisa que a cruz?"
...
E fui me "distraindo" com esse papo, mesmo porque não poderia atirá-la porta afora com o carro em movimento no meio da estrada.
Vontade não faltou.

Ricardo Rayol disse...

Equação perfeita

Camarada Arcanjo disse...

Que tortura!

Essa faxineira devia ser uma torturadora treinada em Guantanamo, disfarçada de "gente humilde" só para lhe punir, por existir.

Pelo diálogo, se vê logo que ela é uma especialista em ouvir argumentos do Demo, que são repetidos como mantras nos cultos da Universal.

Num escritório havia um servente (faz tudo) capacho da Universal que usava um óculos de fundo de garrafa (miopia brava).

Foi no Maracanã e quando um pastor resolveu montar uma ótica e disse que ninguém precisava de óculos. Todos deveriam jogar fora seus óculos dentro de sacos próprios.

Ele atendeu a "sugestão" do pastor. Os ajudantes de pastor sairam com masi de 40 sacos enormes cheios de óculos.

O idota chegou em casa depois de uma maratona danada. Não enxergava NADA!

No dia seguinte uma vizinha foi levar o idiota no trabalho. Os funcionários com pena cotizaram um novo óculos.

Mas só depois que ele reconheceu o roubo e confessou, em voz alta e para todos, que o demônio lhe roubou os óculos no Maracanã.

CrissMyAss disse...

Arcanjo, se fizerem uma pesquisa, sou capaz de jurar que 90 por cento das óticas do Rio estão nas mãos da Universal.
Em Copacabana existe até uma que se chama Pastor.
Pegue qualquer cartão de visitas ou orçamentos destas óticas e veja se não tem escrito num cantinho algo como
"O Senhor... bla bla bla"
acho que eles se basearam na estatística de que muita gente usa óculos sem precisar, ou se tirar, não vai morrer por isso. Aí eles jogam esse caô e o lucro é duplo, com risco quase zero:
Ou a pessoa aguenta viver sem óculos, e acredita que foi curada por milagre...
Ou acaba retornando aos óculos e comprando nas óticas do pastor.
E a desculpa pra o cara não ter merecido a cura deve ser algum pecado imputado ao próprio fiel, claro.

Simone disse...

Queijo gorgonzola? Puxa, essa eu nunca ouvi... e olha que fui da IURD até os dezessete anos. Não se preocupe, estou curada.

Camarada Arcanjo disse...

Falta de fé!

A canalhice é tanta, que tenta impingir ao desgraçado a culpa por não conseguir o milagre.

Faltou fé, irmão! Faltou fé, em você!

E ninguém vai preso neste estelionato da fé e ainda conseguem eleger 60 deputados federais.